quinta-feira, 22 de outubro de 2015

A SINGULARIDADE DE JESUS


Milhares de pessoas estão reestudando a pessoa de Jesus, para saber se Jesus Cristo e o Evangelho realmente têm importância. Se Jesus tem significado para hoje. C. S. Lews, professor de literatura moderna e renascentista em Oxford e Cambridge, estudou de forma profunda a pessoa de Jesus Cristo. Ele passou a sua vida estudando a enorme literatura dos séculos. Em sua notável autobiografia “Surprised bye Joy” (Surpreendido pela Alegria), ele conta a sua peregrinação do ateísmo ao cristianismo. Fez a sua decisão quando descobriu que as obras mais profundas e mais significativas da literatura baseavam-se numa firme fé pessoal em Deus da parte de homens como Agostinho, Blaise Pascal e George Mac-Donald M.



G. Wells escreveu: “Cristo é a pessoa mais singular da história. Ninguém pode escrever a história da raça humana sem dar o primeiro e o mais importante lugar ao Mestre dos mestres”. Jesus viveu na terra apenas 33 anos. Nunca se afastou mais de 160 km de sua casa, no entanto, ele influenciou o mundo como nenhum outro homem da história. Se todos os nomes ilustres da história fossem reunidos e Shakespeare aparecesse, eles se levantariam para render-lhe honra; mas se Jesus Cristo aparecesse, eles cairiam de joelho em adoração. O historiador Kenneth Scott Latourette declarou: “À medida que se passam os séculos, estão aumentando as evidências de que, se analisado pelo seu efeito sobre a História, Jesus foi a personalidade mais influente que viveu neste planeta. E sua influência parece estar-se alargando”. Jesus é digno de honra, de adoração e de exaltação. Ele é incomparável, único, impar, singular e Deus Supremo.

Que lugar Ele ocupa na sua vida?

O que Ele representa para você?

Permita que Ele seja o teu Salvador e Senhor da tua vida.




Para isto é que trabalhamos e lutamos, porque temos posto a nossa esperança no Deus vivo, que é o Salvador de todos os homens, especialmente dos que creem. (1 Timóteo 4:10). 

Temos sido instrumentos de Deus para anunciar ao Povo Sertanejo a Esperança das Nações e dos Sertões, a saber, JESUS CRISTO, que é o Único, Incomparável, Maravilhoso e Singular. 

domingo, 18 de outubro de 2015

MISSÕES: O DESAFIO CONTINUA!



A evangelização do mundo é um fato singular na história do cristianismo em todos os tempos.O cristianismo em sua forma pura e essencial tem como objetivo primordial apresentar ao homem perdido a oportunidade da Salvação.O Novo Testamento é um livro essencialmente missionário. Os Evangelhos relatam a obra missionária de Jesus e o livro de Atos é uma narrativa do trabalho missionário dos apóstolos, sobretudo do Apóstolo Paulo e seus inúmeros cooperadores e auxiliares.

Missionários foram espalhados pelo mundo, impulsionados e dirigidos pelo Poder de Deus e desta forma o Evangelho atingiu os povos. Paulo, o maior dos primeiros missionários foi usado por Deus para levar o Evangelho ao império romano.


Hoje, a necessidade de evangelizar o mundo é um grande desafio, pois vivemos em um mundo de crenças conflitantes, confusas, de problemas complexos e de uma tremenda necessidade espiritual.A humanidade confusa e aflita pergunta: ”Para onde caminha a humanidade?” Quem conhece a Bíblia sabe que Deus controla os ponteiros do tempo. Em meio à confusão geral, a mão Onipotente de Deus movimenta-se, executando seu plano e propósito imutável.



O grande evangelista George Whitifield afirmou: “Estou esperando a vinda do Filho de Deus”. Mas ele não ficou de braços cruzados sem nada fazer. Ele gastou a sua vida na proclamação da mensagem de salvação.Somos impactados e impulsionados a viver proclamando a nossa geração que Jesus Cristo é a Única Esperança para a humanidade. A suprema tarefa da Igreja é a evangelização do mundo. Missões: o desafio continua.

Coopere com o nosso projeto e ajude a transformar a realidade social de crianças, adolescentes, jovens e vidas do Sertão Nordestino.

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

POR QUE EVANGELIZAR O SERTÃO NORDESTINO?


O Sertão Nordestino continua sendo um grande desafio missionário para a Igreja de Jesus. O grito de lamento do povo sertanejo ecoa como um verdadeiro pedido de socorro aos céus. A Igreja é a resposta de Deus ao lamento deste povo. Portanto, deve olhar e estender a mão para o Sertão Nordestino como agência do Reino de Deus na terra.

Este é o momento da salvação de Deus para o Sertão Nordestino! Nós, os que O servimos, temos que nos envolver com todas as nossas forças na conquista do povo sertanejo para Cristo.

Somos desafiados a cumprir a missão, viver e pregar o evangelho do Reino de Deus no Sertão, utilizando metodologias que funcionam entre o povo sertanejo e com todas as forças somadas da unidade do povo de Deus abraçar o desafio da evangelização do Sertão Nordestino.

Alguns pontos nos ajudarão na execução desta nobre tarefa da evangelização do Sertão Nordestino:

Primeiro, é imprescindível ter Visão:  A visão é fundamental para que sejamos usados como instrumentos nas mãos de Deus, pois quando temos a visão utilizamos as ferramentas necessárias para a evangelização do povo a ser alcançado.

Segundo, é preciso ter Motivação: A ordem do Senhor Jesus é o motivo supremo que nos impulsiona a Evangelização dos homens perdidos. Testificar aos homens, apresentando-lhes as verdades do Evangelho ou Boas Novas acerca de Jesus Cristo, nosso Senhor e Salvador, é obrigação séria e responsabilidade de cada cristão. Portanto, no Senhor encontrarmos as motivações bíblicas para a evangelização, porque a motivação brota do coração, e a obra de evangelização deve ser feita por um coração dominado pelo amor a Deus e ao próximo.

Terceiro, é necessário ter foco: O foco que conduz a preocupação com as pessoas, com o sertanejo, com o conceito de mundo e vida, mudando assim de mentalidade.




Quando estamos focados procuramos ter conhecimento do valor e da situação da alma humana, das pessoas do nosso campo de atuação e desta forma, cumprimos o IDE enquanto caminhamos,  por onde andamos.  Enquanto  estamos indo, ou seja, vivendo, estamos levando alguém a uma tomada de posição em relação a Jesus Cristo.

Sabemos que uma alma vale mais do que o mundo inteiro e que Deus amou a humanidade de tal forma que mandou o seu Filho para morrer por ela. Mas a situação de todas as almas é de condenação e perdição. Portanto, sejamos instrumentos escolhidos por Deus para sermos seus Agentes em todas as  nações,  povos, em toda a parte, inclusive no Sertão Nordestino que representa um grande desafio para a Igreja.





Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra”. 
Atos 1.8.

QUANDO DAMOS AS MÃOS!!!

O Projeto Alcançando o Sertão neste final de semana, 13 e 14, em parceria com as Igrejas Batistas de Santa Cruz e Santana do Seri...